NENHUM HOMEM É UMA ILHA…

Numa das preguiçosas tardes da minha adolescência, andando por uma rua do bairro de periferia em que vivia, encontrei jogado ao meio fio uma folha amarelada de caderno de desenho…Isso aconteceu a cerca de trinta anos…Mas ainda me lembro, como se fosse hoje…, não sei explicar porque o fato jamais me deixou…Na folha havia um […]

Leia mais